Terapias válidas com a ejaculação precoce

Resumo

Resolvemos chegar em um dos assuntos mais importantes quando se trata da ejaculação precoce: e após analisar o que se entende por ejaculação precoce, a incidência da doença, causas, diagnóstico, estratégias e, finalmente, temos esboçado um perfil psicológico dos pacientes, com a finalidade de enquadrar dentro de um contexto terapêutico que visa a cura do problema. E é justamente este último ponto que retomamos a discussão, tentando colocar em destaque terapias. A fim de evitar sobrecarregar a questão, nesse artigo a ejaculação precoce não será considerada adequadamente um “problema”, ao invés de um “mal-entendido”, que, como veremos, irá provar ser absolutamente reversível.

 

Terapias

Depois o especialista realizar check-up, o paciente será submetido a um procedimento terapêutico útil para superar o lamentável equívoco no exame; e, como é sabido, a ejaculação prematura parte de uma mistura de elementos vulneráveis da origem causal do mental, psicosocial, físico, relacional. Cada um desses problemas devem ser resolvidos individualmente, como se isso não fosse assim, seria fomentar ainda mais a ejaculação precoce do assunto: em relação a isso, as estratégias terapêuticas contra a ejaculação precoce pode ser resumido nessas que aparecem aqui:

  • Terapia de reabilitação do tipo sexologia
  • A terapia de droga
  • A terapia psicodinâmica
  • Remédios naturais

Entre as diversas opções terapêuticas úteis para retardar a ejaculação prematura de ser lembrado da circuncisão: parece que, na verdade, que é a hipersensibilidade da glande é uma das principais causas da ejaculação precoce. Estritamente falando, neste, o médico pode aconselhar o paciente a circuncisão associado a neurotomia glandular, útil para diminuir significativamente a sensibilidade para a glande, como resultado adiar a ejaculação. Porque muitas vezes é essa pele que causa uma super sensibilidade na área do pênis que acelera a ejaculação. Muitas pessoas que sofrem com esse problema acabam recorrendo a produtos como o UltraG, mas será que funciona realmente?

 

A terapia psicológica

Muitos dos elementos pensado para ser responsável pela ejaculação precoce têm origem no psicológico e, como resultado, a melhor abordagem terapêutica para superar esse lamentável mal-entendido é representado pela reabilitação sexologica. A partir dos escritos do Dr.  A. Graziottin, surgiram e conclusões importantes: primeiro, a terapia de reabilitação sexologia é útil para monitorar não apenas a ansiedade mas também , e acima de tudo, a percepção do corpo, as sensações físicas úteis para controlar a ejaculação e, em seguida, para adiar o mais possível o chamado – e já discutido – “ponto de não retorno”.
Com a finalidade de (re) adquirir um bom domínio do próprio corpo, esta terapia consiste manual de práticas (masturbação) associado a um respiratória educação, um tempo para aliviar a tensão e os músculos. Também a prática de alvo de auto-massagem, yoga e treinamento de força ajuda a controlar o tempo ejaculatorial. Mas não é só isso: através da terapia de reabilitação – sexologia da ejaculação precoce será capaz de, progressivamente, para “sentir” o seu corpo, começar a amar-lo e ouvir seus próprios impulsos. Deve ser a mente para levar o corpo, nunca vice-versa.

A terapia de droga

O uso de medicamentos para corrigir o tempo de ejaculação durante a relação sexual, é um tema muito discutido, mas, ao mesmo tempo, um objeto de grande interesse para a profissão médica. Há controversas teorias: alguns especialistas estão se alinhando contra a administração da especialidade de drogas destinadas a retardar a ejaculação, e outros são absolutamente a favor.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *